Marketing

Como vender seus produtos e serviços na internet

Tem algumas coisas que costumam funcionar e uma delas é este processo, que serve para encontrar pessoas que ESTÃO PROCURANDO pelos seus produtos e que têm um bom potencial de tornarem-se CLIENTES.

Por Lucas Vogelmann, Designer, especialista em branding.


A gente sempre diz que não existe receita de bolo no marketing digital.

Porém, tem algumas coisas que costumam funcionar e uma delas é este processo, que serve para encontrar pessoas que ESTÃO PROCURANDO pelos seus produtos e que têm um bom potencial de tornarem-se CLIENTES.

O legal de usar esse plano é que, com ele, quem não comprar de você continuará vendo seus anúncios, para.

👉 Aprender mais sobre seus produtos/serviços.
👉 Entender a importância neles e o VALOR que você entrega.
👉 Considerarem a ideia de comprar de você.
👉 Acabarem comprando de você.

Tudo começa com fazer anúncios no Google, pois é lá que todo mundo pesquisa quando está precisando contratar um serviço específico ou comprar um produto.

Uma das vantagens nesse tipo de anúncio é que não somente você estará atraindo quem realmente tem interesse naquilo que você vende, mas também você pagará (para o Google) somente quando alguém clicar no seu anúncio, oq eu flexibiliza seu orçamento.

O problema é que nem todo mundo que visitar seu site estará pronto para comprar. Por isso, é importante garantir que essa pessoa permaneça em contato com a sua marca.

É aí que entra o Pixel. Ele é um código de rastreamento que você instalar no seu site, para “marcar” quem visita ele, ou toma ações espcíficas (como clicar em um botão, entrar em contato e etc).

Marcando essas pessoas, você poderá enviar anúncios a elas nas principais mídias. Aí entram Google, YouTube, Facebook, Instagram, Linkedin. E, com esses anúncios, você vai educar aquelas pessoas sobre o que você está oferecendo, construindo uma percepção de valor e mostrando PORQUE essas pessoas precisam do seu produto ou serviço.

Pin It on Pinterest